As pragas urbanas são problemas comuns em grandes cidades. Porém, muito além do inconveniente de ter que lidar com essas criaturas, temos o problema da saúde pública, que é bastante prejudicada por essas pragas. Por este motivo, a dedetização é tão necessária em muitos momentos.

As pragas urbanas podem prejudicar o dia a dia das pessoas de várias maneiras. Desde o inconveniente de ter que lidar com formigas e outros insetos andando pelas paredes ou chão até a problemas na estrutura do imóvel por causa de roedores e cupins.

Eliminar as pragas urbanas não é uma das tarefas mais fáceis. A Dedetizadora Esgotecnica tem em seus mais de 20 anos de história vários casos de sucesso na eliminação de pragas urbanas. Com isso, temos muitos conhecimentos para repassar aos nossos clientes.

Um desses conhecimentos é os cuidados após a desratização para proteger o ambiente, as pessoas e também para conseguir prolongar os efeitos da desratização em si, evitando que os roedores voltem para o ambiente.

Confira algumas dicas que podem fazer toda a diferença no resultado final de uma desratização profissional e que com certeza serão bem uteis para pessoas que estão com problemas com pragas urbanas, principalmente com os ratos e roedores.

A importância da desratização

Pode até não parecer, mas uma colônia de ratos funciona de forma bastante complexa e muitas vezes em um equilíbrio delicado. Existem muitas maneiras de acabar com ratos e roedores, mas é possível que sem o conhecimento errado a situação acabe piorando consideravelmente por causa de certas ações.

Vamos dar um exemplo do que pode acontecer em uma colônia. Os ratos são territoriais, portanto, não é incomum que um macho adulto ataque a própria prole para evitar competição no futuro.

Com isso, o próprio rato acaba controlando a população do ambiente. Ao usar uma ratoeira ou outro método de desratização que acabe com ratos adultos, sem eliminar os outros, é possível que esse equilíbrio seja quebrado e a população de ratos passe a crescer desordenadamente.

Quando você contrata um serviço de desratização, está contratando um controle completo e que evita que esse tipo de incidente aconteça.

Por isso, em locais onde há ambiente propício para a proliferação, é importante contratar a desratização profissional!

Quais são os cuidados após a desratização

Existem diferentes maneiras de realizar a desratização, desde métodos mecânicos, em casos que não são graves até o uso de produtos químicos para os casos onde a proliferação já teve início.

Porém, em todos os casos é necessário ter uma série de cuidados para evitar problemas com os moradores e usuários de um ambiente, além de evitar que os ratos voltem a se proliferar no ambiente desratizado.

No caso de uso de materiais químicos, recomenda-se que:

  • Durante e um tempo depois da aplicação, recomenda-se retirar os pets do local onde o veneno foi aplicado. Isso é mais importante principalmente na desratização realizada com pós químicos e com iscas de veneno, já que esses métodos podem acabar prejudicando os pets da mesma forma que prejudica os ratos.
  • No caso da desratização por spray, é importante não deixar animais e crianças pequenas entrarem no ambiente antes do spray secar. Essa informação pode variar de acordo com a marca do spray e serão informados pelo técnico de desratização que realizará o trabalho.
  • Evite usar o ar-condicionado por pelo menos 24h após aplicação dos produtos químicos para desratização, já que isso pode fazer com que eles circulem no ar indevidamente.

Cuidados após a desratização para evitar a volta das pragas

Outro ponto muito importante é evitar que os ratos voltem para o ambiente após uma desratização bem concluída. Em ambientes comerciais, industriais ou condomínios residências, é fundamental ter um plano contínuo de controle de pragas que deve ser elaborado junto da dedetizadora.

Esse plano consiste em uma série de atividades preventivas para conseguir evitar que os animais voltem, além da realização de um controle periódico. Em cozinhas ou locais que armazenam alimentos, esse controle é exigido por lei, devido a facilidade que os ratos tem de procriar nesses locais e o risco à saúde que eles podem causar.

Nos ambientes residenciais, o importante é evitar criar um local propício para a volta dos ratos. Após a desratização é importante remover o quintal ou dos cômodos qualquer fonte de água, alimento ou possibilidade de abrigo para os ratos.

Esses são os três fatores que fazem com que roedoras possam proliferar em um ambiente. Então após o controle das pragas, é preciso fazer uma limpeza no quintal ou na casa, tampar caixas d’água e retirar entulhos e lixos que possam estar sendo usados como abrigo.

Com esses cuidados, você preserva a sua saúde e evita que ratos possam voltar a atormentar o seu dia a dia.

Para você ter o melhor serviço de desratização de São Paulo e região, conte com a Dedetizadora Esgotecnica! Atuamos com profissionais treinandos e produtos de primeira linha para sempre oferecer segurança e eficiência.